Conversando com: Natalia e Laura | Apaixonei-me pelo meu ídolo – Para Dante Blog
Blog
06 de outubro às 10:18
Conversando com: Natalia e Laura

Elas abriram o coração e contaram tudo pra gente em um bate papo super descontraído. Vem conferir!

Quem aqui estava com saudade das entrevistas? E de todo o bate papo super bacana que rola com isso? Pois é! Eu também estava! E eu tive a honra de entrevistar uma dupla maravilhosa, as gêmeas Natalia e Laura (vocês já perceberam que eu tenho vocação pra ser fã de gêmeos né? Não é proposital, eu juro hahahaha). 

Essas meninas lindas com atualmente 18 anos, inciaram a carreira com 12/13 anos, por influência da mãe, e sempre estiveram no mundo da música, sempre tiveram o sangue correndo nas veias e mostraram que realmente nasceram pra isso. Karaokê em família? Ai sim que era a deixa para essas meninas soltarem a voz. Nunca tiveram medo de enfrentar os obstáculos e mostraram que quando se tem um sonho, vale lutar por ele a todo custo. Sempre tendo artistas renomadas como referências e vivendo lindos momentos, elas abriram o coração contando tudinho pra gente, vem conferir:

Para Dante: Qual a sensação de fazer parte de um ramo tão conhecido, e moderno como o sertanejo universitário?

Laura: É incrível! Fazer aquilo que todo mundo gosta, todo mundo curte é maravilhoso, não tem palavras que possa descrever. É algo que nos deixa muito feliz.

Natalia: É uma sensação muito boa. Muito mesmo.

Para Dante: Quais as maiores dificuldades que vocês já encontraram?

Laura: A maior dificuldade que a gente já passou que eu acho que foi a mais triste e chata também, foi quando o nosso clipe “Sexto Sentido” já tinha mais de meio milhão de visualizações no Youtube, e um grupo de pessoas que não gostavam da gente se juntaram para suspender o nosso canal e ele infelizmente foi banido do youtube. E nós perdemos tudo,  todos os vídeos, , o clipe do Sexto Sentido, os covers que estavam lá desde quanto tínhamos 14 anos. Foi algo muito triste. É difícil quando vamos entregar CD em porta de shows (como já aconteceu) e encontramos o cd no lixo, pelo chão… É difícil saber que existem pessoas que riem do seu sonho e não acreditam em você. Mas o que vale a pena mesmo é saber que existem também as pessoas que sim, acreditam em você e estão ali.

Para Dante: Já se imaginaram fazendo alguma coisa que cantar?

Natalia: Sim, já! Eu seria bióloga marinha, com certeza.

Laura: Eu não tenho nada haver com a Natalia, eu acho que se a gente não estivesse cantando. Acho que eu estaria em alguma coisa no ramo da moda, eu gosto bastante. Talvez nos bastidores sabe? De alguma marca por aí, seria bem bacana.

Para Dante: O que fizeram vocês tomarem paixão pela música?

Laura: A gente sempre cantou né? Desde pequenas, nós cantávamos no karaokê daqui de casa, cantávamos com nossa família. Crescemos no meio da música né? Vindo de algum modão ou sei lá, de outros estilos. Era sempre com CD, DVD de alguma cantora ou cantor.

Natalia: Sempre indo em shows né?

Laura: Sempre em shows! Não tem como explicar, acho que já nascemos assim.

Para Dante: Em quem vocês se inspiram? Vocês acreditam que eles se tornam referências para vocês?

Laura: A gente começou a  cantar com 12 pra 13 anos como dupla né? E logo de cara conhecemos a Maiara e a Maraisa. Então na hora elas viraram a nossa inspiração como dupla. Fora muitos outros artistas que viraram nossa inspiração. Entre eles a Roberta Miranda, nós tivemos a oportunidade de trabalhar com ela,e ela é uma pessoa assim excelente, profissional demais, ela é maravilhosa, no palco e em tudo de verdade. Ela é uma de nossas inspirações, Maiara e Maraisa, Marília também cara, até na hora de compor, são muitas pessoas, de verdade.

Para Dante: Com quem vocês gostariam de subir em cima do palco?

Natalia: a gente dividiria o palco, com todos os artistas que a gente gosta.

Laura: que não são poucos né?

Natalia: A gente teve a experiência de dividir o palco com a Roberta Miranda e foi um momento muito marcante sem explicação. E se eu pudesse eu dividiria o palco com Milionário e José Rico.

Quer saber mais sobre esse momento lindo? Clique aqui e confira

Laura: Meu sonho é dividir o palco com Chitãozinho e Xororó, é o meu sonho, se isso um dia acontecer eu vou chorar muito porque vai ser muito emocionante.

Para Dante: Qual a melhor experiência que já tiveram?

Natalia:  Foi o projeto com a Roberta, onde conseguimos cantar duas músicas e foi uma experiência linda, a melhor que já tivemos em nossa carreira.

Existe momento mais lindo que esse?

Laura: E vai continuar sendo porque ela é a rainha do sertanejo né, não tem explicação pra tudo isso.

Para Dante: A música sempre fez parte da vida de vocês?

Laura: Sim, a música sempre fez, como a gente já falou aqui, sempre estivemos no meio da música, o nosso avô também era sanfoneiro, então realmente nasceu e cresceu nesse meio. A gente pegava a sanfona escondida da nossa mãe quando era pequena e ficávamos lá tocando, achando que  a gente arrasava, cantava e nosso tio sempre ficava toda semana cantando com a gente. Enfim, nascemos com a música ao nosso redor.

Para Dante: Cantar com a “irmã gêmea” torna a convivência melhor? Vocês tomam decisões em conjunto? Funcionam melhor juntas ou separadas?

Laura: Eu acho que quando você canta com seu irmão, você tem mais afinidade, acaba sendo mais confiante, e depois que a gente começou a cantar profissionalmente, a gente se conheceu mais sabe? Então a nossa convivência é a mesma, não tem como falar que alguma coisa mudou. É a mesma coisa. Tomamos decisões juntas, fazemos coisas separadas também. Funciona tudo muito bem.

Para Dante: O que vocês pensam pro futuro?

Natalia: a gente pensa em continuar trabalhando, que muita gente curta nosso trabalho, curta nossa música. Não vamos parar tão cedo e é isso, queremos que as pessoas se identifiquem com a gente, com o nosso trabalho.

Para Dante: Se fosse pra atuar em algum filme, qual seria e qual personagem gostariam de ser?

Natalia: Não tenho dúvidas pra responder que sem dúvidas seria a Moana.

Laura: Sem dúvidas, a Natalia é a Moana todinha. Cara a gente é muito diferente porque a Natalia seria a Moana , mas eu sou apaixonada por um filme chamado “Oito Mulheres e um Segredo” e se eu pudesse ser a Sandra Bullock (no filme, Debbie Ocean), ela faz naquele filme, planeja tudo tão certinho, ela é tão inteligente que se eu pudesse seria ela sem dúvidas!

Para Dante: Quem é Natalia e Laura quando não estão cantando?

Natalia: Natalia e Laura quando não estão cantando são as mesmas pessoas quando estão cantando. Somos as mesmas pessoas sempre, em todo lugar.

 Laura:Não temos um tipo de personagem sabe? É exatamente isso que a Na falou

Para Dante: Vocês fizeram uma versão da música “Mentirinha”, sucesso da dupla Breno e Caio Cesar, que por coincidência, também são gêmeos. Qual foi a sensação de encontrá-los? Eles chegaram a escutar a versão de vocês?

(Não gente, vocês não estão vendo dobrado, e sim o Breno, a Natalia, o Caio e a Laura em um dos shows que rolou em SP)

Laura:  Sim, gravamos uma versão de Mentirinha, a música do Breno e do Caio. E foi muito bom ter conhecido os meninos, eles  são muito de boa. Trocamos uma ideia muito legal no camarim, por sermos gêmeos , a gente se identificou bastante. Não sei dizer se o Breno chegou a assistir, o Caio sim porque eu até comentei com ele, mas creio que ele assistiu sim.

Vejam a versão da música Mentirinha composta por essas meninas lindas clicando no vídeo abaixo:

Para Dante: Se pudessem realizar um sonho hoje. O que gostariam?

Natalia: Um sonho que eu e a Laura queríamos realizar, é que todas as pessoas gostassem do nosso trabalho, nos acompanhassem sempre pois tudo o que a gente faz é com muito amor e carinho.

Para Dante: Vocês também gostam de compor? Levam isso como um hobby?

Laura: A gente considera compor um hobby, porque tem muito cantor que não compõe né? Mas aqui em casa a gente compõe bastante, graças a Deus e em breve a gente espera mostrar mais das nossas composições, assim como o nosso EP, que tem “Aquele Beijo” e “Na minha Porta” que são composições nossas, mas em breve a gente pretende mostrar muitas composições nossas pra vocês.

ps: gente, escutem “Na Minha Porta” é uma música ma-ra-vi-lho-sa

Para Dante: Se vocês fossem se descrever uma a outra nesse exato momento. Como seria?

Laura: A Na tem um coração muito bom, ela é daquele tipo de pessoa que quando ela é sua amiga, ela realmente é, nunca vai fazer nada que possa te machucar, vai sempre pensar em você e sempre que você precisar ela estará ao seu lado, só que as vezes ela é um pouquinho impulsiva mas fora isso ela é  uma pessoa maravilhosa.

Natalia: a Laura não é exatamente a mesma coisa, ela é um pouquinho diferente, mas nesse sentido a gente é igual, ela é uma pessoa muito boa, muito incrível, quando você precisar você pode contar com ela, ela só não se abre pras pessoas… Mas a Laura ela é uma pessoa maravilhosa.

Meninas, ficamos por aqui com essa entrevista ma-ra-vi-lho-sa com essas meninas lindas e carismáticas (já estamos nos preparando para um showzinho hein) e não podemos deixar de desejar a elas todo o sucesso desse mundo: Natalia e Laura, nós do Para Dante desejamos a você todo o sucesso desse mundo pra vocês, que a cada dia todas as pessoas reconheçam esse trabalho lindo, que se encantem e que possam ver a luz que existem dentro de vocês. Acreditamos que isso é comecinho de tudo e não se esqueçam que estaremos sempre de portas abertas para vocês, nós agradecemos por terem dividido um pouquinho da história de vocês conosco e temos certeza que todos irão se encantar assim como nós!

Não se esqueçam de seguir Natalia e Laura em todas as redes sociais (@natalialaura, @laudornellas e @nadornellas), de escutar o “EP” em todas as plataformas digitais, e claro: acompanhar o canal das gêmeas nas redes sociais: https://www.youtube.com/nataliaelaura. Curtam, escutem, compartilhem e ativem as notificações para ficarem atentas sobre tudo, não vão querer perder nada né? 

Até a próxima!

Larissa Santos

Compartilhe:  
Batalha de Ídolos
Instagram