Sobre um velho companheiro: o medo. | Apaixonei-me pelo meu ídolo – Para Dante Blog
Blog
31 de julho às 12:39
Sobre um velho companheiro: o medo.

Oi amores da minha vida, tudo certo com vocês? Como passaram o fim de semana? Estão preparadas para as surpresas que essa semana nos reserva? Desejo que coisas muito boas aconteçam com vocês, viu?! Mas, como nem tudo nessa vida são flores, vamos falar daquela coisinha que não nos larga em nenhum momento e que faz o nosso coração bater apertado dentro do peito? O tal do medo . Eu não sei que tipo de medo vocês alimentam: medo de nunca ter um momento especial, medo de perder a grade naquele show, medo de não conseguir o tão sonhado abraço, e mesmo tendo medos divergentes temos que concordar que não existe coisa mais chata nesse mundo, né? Machuca, dói e por muitas vezes, até destrói. Aperta o coração, dá vontade de chorar, de largar essa vida e seguir para outros rumos, certo? E será que podemos fazer alguma coisa para aliviar (ou se esconder) desse monstro de sete cabeças? Eu digo que sim. Infelizmente (ou felizmente?!) sentir medo é normal, porém por muitas vezes deixamos esse sentimento interferir nos nossos sonhos, e perdemos grandes oportunidades por isso, mas garanto pra vocês que tem um jeito muito eficiente de dar um “chega pra lá” nesse medo bobo (Alô, alô Maiara e Maraisa hahaha). Como? Cultivando a esperança.

Quando cultivamos a esperança, alimentamos a chama que mantém o nosso sonho vivo, e temos forças para prosseguir na nossa caminhada. Quando nos propomos a acreditar em nós mesmos, fica difícil ter medo de algo não dar certo, porquê estamos convictos que somos capazes de realizar o que planejamos. Quando começamos a pensar positivo, grandes coisas acontecem… a nossa mente é nossa principal aliada na luta para a realização do nosso sonho, viu? Tudo o que mentalizamos com fé e esperança se torna real. Topa fazer um teste?
Pegue uma caneta e um papel e escreva detalhadamente como você imagina o encontro com seu ídolo. Vale escrever tudo: a roupa que estará usando, o que vai falar, qual será a reação dele ao te escutar. Escreva TUDO mesmo! Depois coloque essa folha em um lugar bem visível de seu quarto, sempre que acordar mentalize aquilo que escreveu com fé e espere o seu momento chegar. Não duvide da força do seu pensamento! (Sou a prova viva disso).
E aí, topa fazer essa “brincadeira” e esperar confiante até a sua hora chegar? Promete me contar tudo e me mandar fotos do seu encontro com seu amor? Tô torcendo por você, e ah, não esqueça: “Acreditar que você pode, já é meio caminho andado!”
Um beijo cheio de boas energias e até a próxima,

Andressa Ismael.

Compartilhe:  
Batalha de Ídolos
Instagram