CAPÍTULO I: A MUDANÇA | Apaixonei-me pelo meu ídolo – Para Dante Blog
Fanfic
20 de junho às 14:36
CAPÍTULO I: A MUDANÇA

Capítulo I

Leia  esse capítulo ouvindo essa música!

Respirei fundo e fechei a porta do meu quarto, sentei na minha cama:

“Sim, odeio brigar com minha mãe” Pensei, mas as vezes é inevitável parece que ela tem alguma coisa contra mim e contra os meus sonhos nunca aceita nada do que falo e adora discordar das minhas posições.

Estou me esforçando muito para aceitar essa cidade nova, a separação dela e do meu pai.

Será que ela não consegue entender que eu e meu irmão também estamos machucados? Que embora eles tenham se separados quem mais sofre nessa situação são filhos. Bom, talvez ela não tenha tempo para pensar nisso, não sei!

Faz algumas semanas que chegamos a Brasília, o clima daqui é seco, bem diferente do Sul, que nunca consegue definir um clima, mesmo no calor é bom sair com algum casaco porque no final do dia sempre esfria. Brasília tem algumas coisas em comum com Porto Alegre que são as áreas verdes que enfeitam grande parte da cidade. Isso era o que eu mais gostava na minha cidade.

É setembro e faz poucas semanas que chegamos a Brasília devido à falta de chuva, todo aquele gramado lindo de Brasília torna-se dourado (para não dizer seco) – Tenho uma vista privilegiada do meu quarto. Minha mãe está planejando algumas reformas no nosso apartamento, mas confesso que gostei um pouca da mobília do meu quarto, a antiga dona tinha um bom gosto. Então provavelmente o meu quarto vai ser o último cômodo da casa a ser reformado.  A minha parte preferida é esse sofá embutido na janela, esse mesmo; que estou sentada agora escrevendo para vocês.

Na próxima segunda feira começa as minhas aulas e tenho me sentido ansiosa quanto a como deve ser os alunos, professores, e também com o ensino da escola, não sou muito boa em matemática temo a nota vermelha, já que minha mãe é muito exigente, e começar em um colégio diferente em plena metade do ano é de extrema difícil, sei que irei enfrentar uma barra daqui para frente.

Mas com toda essa loucura que minha vida tem se transformado com a mudança de cidade, tenho alimentado alguns anseios, estou querendo começar uma vida nova. Se apaixonar? Talvez! Novas amizades? Claro! Se divertir? Muito!

Deixei grande parte da minha vida no Rio Grande do Sul, amigos, alguém que um dia gostei muito, mas hoje já estou curada, família, escola, lugares que gostava de ir. Mas se disser que sinto saudades, estarei mentindo! A chance de morar em outra cidade e poder viver uma nova história me inspira. Se faltava alguma coisa para completar? Sim o meu pai, mas ainda tenho esperança que ele e minha mãe façam as pazes um dia.

Compartilhe:  
Batalha de Ídolos
Instagram